Nordeste

Ceará gera emprego e renda em meio à pandemia com programas sociais e econômicos

 

 

Desde março de 2020, quando os primeiros casos de Covid-19 foram identificados no estado, o Governo do Ceará não mediu esforços para reduzir os impactos sociais e econômicos. Diversas ações e programas foram voltados para atender à população, manter empregos e apoiar estabelecimentos, como os de alimentação fora do lar e eventos. Todas essas ações levaram o Ceará a crescer economicamente, mesmo com a pandemia ainda em andamento.

 

Exemplo é o PIB do Ceará em alta, atingindo 4,78% no 3º trimestre de 2021, superando a média nacional (4%). E os setores da indústria e de serviços puxaram essa elevação. “O Ceará tem crescido o dobro à frente dos números do Brasil, em investimentos públicos. Estou terminando meu sétimo ano como governador, e a coisa mais importante que eu tenho trabalhado é que o Estado tenha a capacidade de investimento. Pois se o Estado não tiver essa capacidade, ele só não leva os serviços à população, como ele também não movimenta a economia. E por seis anos consecutivos, nós somos o Estado número um em investimento público no Brasil, proporcional à nossa economia”.

 

E essa performance vinha se repetindo, pois no trimestre anterior (abril, maio e junho), o Ceará cresceu 3,25%, um resultado bem superior ao do Brasil, que caiu (-0,1%). Novamente, Indústria (5,04%) e Serviços (1,34%) puxaram a alta cearense. Os investimentos destinados à Saúde e às ações de apoio às famílias cearenses desde o início da pandemia foram efetivos na performance estadual e contribuíram diretamente para que o Estado mantivesse o crescimento, mesmo impactado com a pandemia de Covid-19.

 

Roberto Leite – Ascom Casa Civil – Texto Carlos Gibaja, Helene Santos, Tatiana Fortes, Thiara Montefusco e Tiago Stille – Ascom Casa Civil – Fotos Yuri Leonardo – Ascom Casa Civil – Infográficos


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp