Paraíba

Cicero acerta ao investir no Desfile da Sapucaí em São Paulo para expandir imagem de onde o Sol nasce primeiro

Logo cedo, via redes sociais, somos informados pelo prefeito Cícero Lucena de que ele participara de ato consolidando em São Paulo a presença do rico histórico de João Pessoa como novo samba enredo da Escola de Samba do Primeiro Grupo,” Dragões da Real”, duas vezes conquistando o segundo lugar. Eis que a “Porta do Sol” ( alô alô Mestre Fuba) volta a brilhar .

 

Este importante investimento da Prefeitura de João Pessoa se justifica até pela coincidência de forte apelo nacional da Capital paraibana na atualidade, em face do padrão de vida a atrair muita gente do Sudeste e Centro Oeste querendo viver e/ou morar em Jampa por sua qualidade de nosso habitat.

 

Na prática, é imensurável o tamanho e/ou efeito de retorno real do que haverá de se exigir para a montagem de todo o espetáculo da Escola de Samba “Dragões da Real” que, por coincidência, ainda desfilará na manhã de sábado do Carnaval, em fevereiro, quando o sol estiver raiando, a exemplo do primeiro sol das Américas na Ponta do Seixas do Cabo Branco.

ESTRATÉGIAS

 

Certamente que diante de tamanho fato estratégico no futuro próximo em torno de João Pessoa, certamente que as turmas  da Funjope ( leia-se Marcus Alves) e da SECOM ( alô alô Marcos Vinicius) devem abrigar mecanismos de envolvimento dos artistas e da mídia no reforço a esta nova situação extraordinária.

 

I  ENCONTRO DO NORDESTE

O prefeito já concebeu e deliberou total cumplicidade para apoiar o I ENCONTRO DAS ESCOLAS DE SAMBA DO NORDESTE, em João Pessoa programado para 11 a 13 de Novembro, em promoção da FENASAMBA ( Kaxitu, da “Vai Vai”e Liga Carnavalesca de João Pessoa( Pedro Cândido), cuja reunião poderá ter a presença de Zé Katimba, fundador da Leopoldinense (RJ) comemorando 90 anos.

A primeira reunião das Escolas de Samba do Nordeste é uma articulação do presidente da Liga Pessoense, Pedro Cândido, que passou o São João em São Luiz/MA acompanhando os desfiles dos Boi-bumbás buscando a participação da Liga maranhense no encontro de novembro. O apoio da Fecomercio neste caso na pessoa do presidente Marconi Medeiros se apresenta como fundamental.

 

Em sintese, a Paraiba também se notabiliza nas articulações em torno da arte e cultura que brota das agremiações do Carnaval, em especial as Escolas de Samba, com dividendos também no Turismo.

 

Agora, só resta a consolidação da autossuficiência da Liga Carnavalesca para tudo se transformar em avanços culturais consistentes.

 

UMAS & OUTRAS

…A Escola de Samba Vila Isabel, do mestre Martinho da Vila, foi quem primeiro exaltou João Pessoa num Samba enredo interpretado pelo puxador Gel, nascido em Guarabira, como Zé Katimba.

 

…Tavinho Santos até hoje é quem melhor canta o samba enredo da Vila.

ÚLTIMA

“Viajando/ para onde o Sol nasce primeiro”


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp