BAHIA

Confirmado: Codeba e Companhia de Pesquisa Mineral Baiana celebram acordo para estimular crescimento sustentável

Convênio foi assinado no mesmo dia em que a Autoridade Portuária da Bahia formalizou parceria com o Iclei – Governos Locais pela Sustentabilidade

 

 

A Autoridade Portuária da Bahia (Codeba) e a Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM) celebraram acordo de cooperação técnica para promover avanços nas pesquisas do potencial do setor com foco na sustentabilidade e nas atividades econômicas em consonância com as premissas da Agenda ESG (sigla em inglês para gestão ambiental, social e de governança). O contrato tem duração de dois anos.

 

 

 

Representantes do Iclei – Governos Locais pela Sustentabilidade, que se encontravam em Salvador para formalizar convênio com a Codeba, visando ações para o desenvolvimento urbano sustentável nos três atracadouros administrados pela companhia portuária, prestigiaram a solenidade, ocorrida nesta quinta-feira (4), no Museu do Mar Aleixo Belov, no bairro de Santo Antônio Além do Carmo, na área portuária da capital baiana.

 

 

 

Atualmente, a Autoridade Portuária da Bahia é o único complexo público portuário filiado ao Iclei no Brasil e conta com a expertise da organização global, presente em cerca de 2.500 governos locais e regionais comprometidos com o meio ambiente, para tornar os três portos sob sua jurisdição (Salvador, Aratu-Candeias e Ilhéus) exemplos de sustentabilidade no país, na América do Sul e no mundo.

 

 

 

O presidente da Autoridade Portuária da Bahia, Antonio Gobbo, destacou a importância da integração com a CBPM para otimizar a cadeia logística e maximizar o potencial econômico do estado. “Por meio deste acordo, vamos trabalhar em sinergia para desenvolver soluções logísticas sustentáveis que atendam às necessidades específicas do setor de mineração, garantindo mais competitividade e agilidade no escoamento da produção. E assim vamos atuar em todas as demais cadeias que escoam a produção pelos nossos portos, com o apoio do Iclei e de outros órgãos comprometidos com a sustentabilidade”, comentou Gobbo.

 

FORTALECIMENTO

 

 

 

Entre as ações previstas no acordo com a CBPM, estão previstos estudos para o aprimoramento do planejamento e fluxo de produtos e informações, associados a iniciativas que estimulem a melhoria da logística sustentável no setor minerário. Para o presidente da CBPM, Carlos Borel, esta parceria é essencial para fortalecer a infraestrutura logística e atrair novos investimentos para o setor mineral baiano.

 

 

“A colaboração com a Codeba possibilitará avanço significativo na eficiência das operações logísticas, beneficiando as empresas parceiras e a economia local. Estamos empenhados em criar um ambiente favorável para o crescimento sustentável da mineração”, afirmou Borel.

 

AJUDA MÚTUA

 

“Com a mudança de paradigmas empreendida pela gestão atual, não tenho dúvida de que os atracadouros vinculados à Autoridade Portuária da Bahia vão dar um salto qualitativo nas ações de sustentabilidade, elevando o setor portuário do estado a um patamar exemplar de desenvolvimento sustentável. Estamos aqui para ajudar no que for preciso, a fim de que resultados apareçam com a maior brevidade possível”, destacou o secretário-executivo do Iclei América do Sul, Rodrigo Perpétuo, que viajou à capital baiana acompanhado da representante institucional de Infraestrutura Portuária da organização global, Rafaella Viana.

 

“Nos tempos atuais, em que a emergência climática compõe a pauta de todo e qualquer projeto de desenvolvimento público e privado, é de vital importância o alinhamento prévio para que a cadeia econômica se desenvolva em harmonia com o meio ambiente e com o entorno populacional, a fim de que cada um posso dar sua contribuição para minimizar os catastróficos efeitos dos gases de efeito estufa, garantindo, assim, a sobrevivência do planeta”, pontuou Rafaella Viana.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp