Alagoas

Conselho universitário pede expulsão de aluna de medicina que ironizou morte, em Alagoas

O conselho universitário do Centro Universitário Cesmac recomendou a expulsão da estudante de medicina que ironizou, durante o plantão, a morte de uma paciente da Unidade Mista Dr. José Carlos de Gusmão, em Marechal Deodoro. A informação foi confirmada pelo vice-reitor da universidade, professor Douglas Apratto Tenório.

 

Apratto disse que o parecer do conselho foi enviado para a reitoria da universidade, que determinou a instauração de uma comissão de sindicância para apurar o caso, que deve ser concluído em até um mês. A estudante terá um prazo para apresentar sua defesa.

 

Lenilda Silva Nunes, 62 anos, morreu após dar entrada em uma unidade de saúde de Marechal Deodoro com dores no peito. De acordo com a advogada da família, Luciana Omena, o caso será levado a Justiça.

com g1


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp