Brasil

Construção civil: Alíquota do imposto de importação sobre o vergalhão de aço passa a ser 4%

O governo, por meio do comitê executivo da Câmara de Comércio Exterior (Camex), decidiu, na quarta-feira (11/05), reduzir a alíquota do imposto de importação sobre o vergalhão de aço de 10,8% para 4%. A decisão começa a valer a partir desta quinta-feira (12/05). A Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) comemora a iniciativa, que vai diminuir o impacto do aumento expressivo do custo da construção.

 

 

“A CBIC aplaude a decisão que reduziu para 4% a tarifa de importação dos vergalhões. Tal medida é extremamente significativa para reduzir o impacto do aumento expressivo do custo da construção. Hoje a construção civil está inibindo investimentos futuros pela perda da capacidade de compra das famílias. Mas medidas como essa ajudam a regular o mercado. Ganha o país!”, disse o presidente da entidade, José Carlos Martins.

 

 

Com isso, a Camex reduziu em 8 pontos percentuais no total a tarifa de importação dos vergalhões de aço CA50 e CA60. Ano passado a redução foi de 12% para 10,8%. Agora a tarifa caiu de 10,8% para 4%. Para Martins, essa iniciativa mostra a sensibilidade do comitê ao tema, com a percepção de que fortalecer o setor significa geração de emprego e renda no país.

 

 

Além do aço, outros produtos como carne de boi, carne de frango, trigo e farinha de trigo, milho em grão, bolachas e biscoitos tiveram sua tarifa de importação reduzida a zero.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp