Internacional

Djokovic é deportado da Austrália e diz que se sente ‘extremamente desapontado’ com decisão

247 – Um tribunal australiano confirmou a decisão do governo de cancelar o visto de Novak Djokovic neste domingo, encerrando as esperanças da estrela do tênis não vacinada de vencer o Aberto da Austrália e acumular um recorde de 21 títulos de Grand Slam masculinos.

 

Decidindo sobre um caso que tomou conta da Austrália e do mundo esportivo por mais de uma semana, uma bancada de três juízes do Tribunal Federal ouviu argumentos de advogados do governo de que a presença contínua de Djokovic arriscava estimular o sentimento anti-vacinação durante o pior surto de COVID-19 da Austrália desde o início da pandemia.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp