Brasil

Durante encontro, Fux pede que Aras cumpra seu papel perante ameaças de Bolsonaro

247 – O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, pediu ao procurador-Geral da República, Augusto Aras, que cumpra o seu papel diante das ameaças e ataques de Jair Bolsonaro, durante a conversa que tiveram nesta sexta-feira (6).

<span;>Segundo o jornalista Igor Gadelha, do Metrópoles,  o pedido foi avaliado, no Ministério Público Federal (MPF) e no Supremo, como uma espécie de cobrança de Fux para que Aras dê andamento aos processos contra Bolsonaro que tramitam na PGR.

“A coluna apurou que Aras teria respondido estar comprometido com seu papel como chefe do MPF. A resposta, no entanto, não convenceu muito auxiliares do presidente do STF, que veem o procurador-geral da República cada vez mais alinhado ao governo, o que Aras nega”, diz o jornalista.

 

Fux e Aras se reuniram em um momento de piora na relação entre os Poderes. A insistência de Bolsonaro em criticar ministros do Supremo e questionar a segurança do sistema eleitoral brasileiro levou Fux a cancelar a reunião que vinha alinhando entre os chefes dos Três Poderes para tentar pacificar as relações.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp