Piauí

Empresários têm 48h para aceitarem proposta da Prefeitura de Teresina sobre os ônibus

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa (MDB), convocou a imprensa para uma entrevista coletiva na manhã desta quinta-feira (09) no Palácio da Cidade, no Centro, para apresentar a contraproposta da Prefeitura de Teresina que será encaminhada aos empresários do setor de transportes ainda hoje. O prefeito deu um prazo de 48 horas para os empresários decidirem se aceitam ou não a contraproposta.

 

Caso o acordo seja aceito no prazo determinado pela Prefeitura de Teresina, os ônibus voltam a circular em maior quantidade na próxima segunda-feira (13). O Secretário de Planejamento, João Henrique Sousa, disse que um dos pontos da proposta que a Prefeitura não abre mão a bilhetagem eletrônica.

 

“A proposta é bem óbvia. Quando se coloca em discussão vários pontos, pode ser que algum deles entre em concordância. Nada acontece em 100%”, disse o secretário.

 

Além disso, a Prefeitura também quer:

 

  1. Gratuidade para estudantes de escolas públicas da rede municipal de ensino (entre outras tarifas sociais)
  2. Ônibus com Wifi e ar-condicionado
  3. Efetivo funcionamento do sistema de integração
  4. Revisão no valor das tarifas
  5. Obediência à vida média dos veículos e de sua utilização (ônibus em bom estado)
  6. Controle da bilhetagem eletrônica por parte da prefeitura
  7. Retorno da circulação da frota prevista na ordem de serviço da Strans

“Os empresários apresentaram uma proposta desnutrida, muito frágil! Praticamente a mesma coisa que acontece há quase 40 anos. Nós analisamos e apresentamos uma contraproposta. Se a reposta for negativa, temos um plano B, mas só vou falar o que será o plano B quando os empresários responderem”, disse o prefeito.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp