Brasil

Ex-presidenta da Caixa divulga nota de repúdio contra assédio moral e sexual na empresa

“As denúncias de assédio moral e institucional no âmbito da Caixa contra Pedro Guimarães são estarrecedoras. A desenvoltura com a qual agia, o comportamento reiterado ao longo destes anos traduzem uma gestão que se caracterizou pela dilapidação do patrimônio público, desrespeito aos empregados, com perseguições e deboches, levando ao adoecimento de amplo contingente de empregadas e empregados.

 

 

Nossa solidariedade às colegas que ousaram denunciar e registrar a série de abusos cometidos; faz-se necessário, de imediato, que tenham o apoio e a proteção necessária e contem com a devida reparação e o reconhecimento da violência. Vocês mostraram a essência desta gestão corporativa cravada de abusos, humilhação e dor.

 

 

É fundamental a criação de uma comissão de apuração extraordinária, com a presença de representantes externos, restou claro nas denúncias que os dispositivos institucionais da empresa encontram-se corrompidos e dominados.

Registramos a resistência e coragem do colega Pedro Eugenio, recentemente falecido, que há 03 anos ousava denunciar os assédios morais e sexuais. Em seu nome, nosso reconhecimento a todas e todos que se dedicam a construir a Caixa pública.

“A verdade vencerá a mentira”, Papa Francisco.

Maria Fernanda Coelho

Ex-presidenta da Caixa 2006-2011, admitida por concurso público em 1984.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp