Brasil

Furto, roubo e desacato resultam em quatro prisões no carnaval do Rio

 Por Alana Gandra – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro

As ações de fiscalização e ordenamento feitas pela Secretaria de Ordem Pública (Seop) e pela Guarda Municipal do Rio (GM-Rio) no entorno do Sambódromo e na Estrada Intendente Magalhães resultaram em uma prisão, no quarto dia de desfiles do carnaval fora de época, chamado carnabril pela  população. Em quatro dias de fiscalização e patrulhamento, foram feitas quatro prisões e duas conduções de cidadãos para delegacia, após flagrantes de furto, roubo e desacato.

Segundo a prefeitura, foram aplicadas 294 multas após flagrantes de infrações de trânsito, e 31 veículos foram rebocados. Desde o início dos desfiles do Sambódromo, na última quarta-feira (20. até ontem (23), foram aplicadas 1.547 multas de trânsito.

A Guarda Municipal distribuiu 179 pulseirinhas de identificação para crianças. Desde o primeiro dia de desfiles, a GM identificou 568 crianças no entorno do Sambódromo. A ação faz parte de campanha de conscientização contra a exploração infantil, realizada em parceira com a Secretaria de Assistência Social e com o Conselho Municipal dos Direitos da Criança.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp