Pernambuco

Governador de Pernambuco lamenta morte da paisagista, doutora de história e artista plástica Tereza Costa Rego

O governador Paulo Calâmara, de Pernambuco , soltou nota lamentando a morte de uma das mais importantes intelectuais do estado, Tereza Costa Rego.

Eis a nota:

O cenário artístico e cultural de Pernambuco ficou menor com a morte de Tereza Costa Rêgo. É impossível dimensionar em palavras a importância da sua obra para o nosso Estado e para o Brasil. Paisagista, doutora em história, militante de esquerda, Tereza era, acima de tudo, uma artista plástica de corpo e alma, que traduzia com beleza e perfeição seus sentimentos nas telas, retratando ali o imaginário popular, nossas lutas libertárias, a força da mulher, paisagens de Olinda e Recife e tantas outras figuras da nossa cultura. Tereza, certa vez, afirmou que “pintaria até não poder mais”, e assim o fez. Sua partida fará uma imensa falta à arte brasileira. Quero me solidarizar com todos os seus familiares, amigos e admiradores neste momento de profundo pesar.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp