Brasil

Governador de São Paulo recomenda ocupação menor em eventos

O governador de São Paulo, João Doria, informou hoje (12) que será exigida em todo o estado a apresentação do comprovante completo de vacinação contra a covid-19 para entrada em eventos públicos e privados que causem aglomeração, como shows e atividades esportivas.

 

Também para combater o avanço da variante Ômicron no estado, o governo estadual recomendou que a ocupação de tais eventos seja reduzida em 30%, o que deve ser estabelecido por cada uma das 645 prefeituras paulistas, podendo variar conforme a situação epidemiológica. “A redução recomendada é de 30%. Cabe agora às prefeituras deliberar sobre isso”, disse Doria. Há ainda a recomendação de que tais eventos passem a exigir testes do público. Mas, segundo o governador, não se trata de uma exigência, é apenas uma recomendação.

Ontem (11), em entrevista no interior do estado, o governo tinha informado que faria restrições a eventos. Hoje, no entanto, na entrevista que é dada todas as quartas-feiras no Palácio dos Bandeirantes, Doria não anunciou restrições, mas recomendações e disse que as deliberações cabem às prefeituras.

Além de mudanças nas regras dos eventos, o governo de São Paulo informou que prorrogará a obrigatoriedade do uso de máscaras em todo o estado até, pelo menos, o dia 31 de março.

 

Aumento de casos

Hoje a taxa de ocupação de leitos de unidade de terapia intensiva (UTI) por síndrome respiratória aguda grave (SRAG) está em 39,01%, com 1.824 pessoas internadas em estado grave. Há 3.679 pessoas internadas em enfermarias de todo o estado. Na semana passada, a taxa de ocupação estava em 27,75%.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp