Maranhão

Governo define casarão para implantar IEMA Cultura e Turismo no Centro Histórico

Como parte das ações do Programa Nosso Centro, de revitalização do Centro Histórico, as Secretarias de Estado de Cidades e Desenvolvimento Urbano (Secid) e de Educação (Seduc) avançaram nas tratativas para implantação de mais uma Unidade Vocacional do Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA).

Até então desocupado, o prédio de 430 metros quadrados está localizado na Praça João Lisboa, ao lado da Igreja de Nossa Senhora do Carmo. Foi adquirido pela Secid e cedido para a implantação da Unidade do IEMA dedicada à formação de profissionais para atuação nos setores de cultura e turismo.

Para o secretário de Cidades, Raimundo Reis, a ação é mais uma importante iniciativa do Governo do Maranhão para revitalizar o Centro Histórico.

“O Programa Nosso Centro é a maior iniciativa do poder público estadual para revitalizar o Centro Histórico. Além da revitalização do rico acervo arquitetônico, com recuperação das edificações, o programa inclui também os pólos habitacional, cultural, tecnológico, turístico, comercial e gastronômico, compondo uma verdadeira mudança de paradigma na dinâmica da cidade e do Centro”, disse Raimundo Reis.

“A Unidade Vocacional do IEMA Cultura e Turismo faz parte do esforço concentrado do Governo para dar mais oportunidades de crescimento profissional aos maranhenses. Com este prédio cedido pela Secid, teremos mais espaço para promover ensino nessa localização privilegiada, no coração do Centro Histórico, e que tem tudo a ver com a proposta pedagógica dessa nova unidade”, avaliou o diretor de Planejamento Administração do IEMA, Emanuel Denner.

Próximo passo

Situado no Coração do Largo do Carmo, número 243, o prédio para implantação do IEMA Cultura e Turismo passará por avaliação técnica para definição de reparos e instalação de equipamentos.

“O imóvel tem infraestrutura física muito sólida. Após essa entrega formal pela Secid, vamos acionar técnicos para avaliar quais os reparos internos são necessários para que a unidade possa funcionar adequadamente”, explicou Emanuel Denner.

Nosso Centro

Para garantir a preservação e recuperação dos imóveis históricos no Centro da cidade, a Secid atua em diversas frentes. O Programa Adote um Casarão destinou 12 prédios na região para a implantação de empreendimentos. A Secid também firmou parceria para a recuperação de prédios em ruínas e garantiu a reforma de edificações para moradia na região.

A secretária adjunta de Assuntos Metropolitanos da Secid, Arlene Vieira, explica esse processo.

“O Programa Nosso Centro é uma espécie de guarda-chuva de projetos envolvendo diversas secretarias de Estado num somatório de esforços para desenvolver a região do Centro de forma sustentável, tanto do ponto de vista econômico, quanto do ponto de vista social. O Programa Adote um Casarão, em particular, cede temporariamente imóveis que pertencem ao Governo, e que estejam subutilizados ou em desuso, para a implantação de empreendimentos em diversas áreas, beneficiando a sociedade com mais emprego e circulação de pessoas na região”, informou Arlene Vieira.

 


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você