Brasil

“Guedes pediu demissão, mas Bolsonaro tenta convencê-lo a ficar no governo”, diz colunista

247 – Em meio à pressão para furar o teto de gastos com o objetivo de bancar o Auxílio Brasil, que poderá reverter a queda na popularidade do governo, o ministro da Economia, Paulo Guedes, já pediu demissão do cargo, segundo Vicente Nunes, do Correio Braziliense. Ainda não há informação oficial sobre uma suposta saída de Guedes.

Jair Bolsonaro, no entanto, resiste a autorizar a saída de Paulo Guedes. Ambos, de acordo com o colunista, tiveram uma discussão “pesada” nesta quinta-feira (21). “Guedes falou muitos tons acima do normal e disse que não aceitaria as manobras feitas pelo governo, à sua revelia, para furar o teto de gastos a fim de bancar o Auxílio Brasil de R$ 400”.

O pedido de demissão, de acordo com Nunes, foi confirmado por quatro interlocutores e foi feito logo após o anúncio da saída de secretários do Ministério da Economia.

*Brasil247


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp