Pernambuco

Homem fica cego após ser atingido no olho por bala de borracha da PM de Pernambuco durante ato contra Bolsonaro

O homem por nome Daniel Coelho, de 51 anos,  atingido neste sábado (29), por uma bala de borracha durante ação da PM de Pernambuco contra manifestantes do ato anti-Bolsonaro teve uma lesão que o fez perder a visão do olho esquerdo.

Daniel Campelo deu entrada no Hospital da Restauração, principal emergência do Recife. Ele aparece em várias filmagens com sangue no rosto, sendo socorrido durante a manifestação.

Ao chegar ao hospital, médicos analisaram a lesão e —em razão da gravidade e da falta de oftalmologista na unidade— decidiram encaminhá-lo para a Fundação Altino Ventura.

Exames apontaram que ele tinha “um trauma ocular com hematoma retrobulbar com proptose importante”.

Ele foi avaliado com “amaurose unilateral”. Segundo um oftalmologista, esse quadro quer dizer perda de visão do olho.

Segundo informou o portal Marco Zero, a vítima não estava participando do ato e passava pelo local porque iria comprar material para trabalhar.

Ainda segundo o site, a família teria sido informada no fim da tarde que ele perderia o globo ocular. Campelo mora no bairro dos Torrões, zona norte da capital pernambucana.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp