BRASIL

Identificado oficial do Exército que agrediu Delis Ortiz

Após a revelação, pelo Gabinete de Segurança Institucional (GSI), de que o segurança apontado como suposto agressor da jornalista Delis Ortiz, da TV Globo, não se tratava de um membro da delegação de Nicolás Maduro, mas sim um militar do Exército Brasileiro, internautas foram às redes sociais para criticar a imprensa brasileira por divulgar fake news sobre o assunto.

 

“E a imprensa golpista torcendo para ter sido um segurança de Nicolás Maduro. A mídia golpista, em vez de esperar investigação, acusa e condena ao mesmo tempo”, escreveu um usuário do Twitter.

 

“E que bom que agora a Imprensa, especialmente a Globo, poderá pedir perdão e se corrigir por ter afirmado que o agressor era parte da equipe de Maduro. Será?”, questionou outro internauta.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp