Brasil

Jovem é assassinada a tiros no trabalho por homem que a perseguia

A jovem Mariana Almeida, de 23 anos, foi assassinada a tiros nessa segunda-feira (21, enquanto estava sozinha no serviço, em Terezópolis de Goiás, na região central do estado. Uma câmera de segurança gravou o crime.

 

De acordo com o portal G1, o delegado Jorge Bezerra afirmou que a jovem e o homem não tinham relacionamento, mas ele estaria dando presentes e a perseguindo nos últimos dias, como se quisesse conquistá-la.

 

“Sem mais nem menos, ele chegou no trabalho dela com duas armas. Uma ele descarregou nela, depois pegou a outra, atirou nela mais algumas vezes e depois em si mesmo”, descreveu o delegado.

 

Os corpos foram levados ao Instituto Médico Legal (IML) de Anápolis para serem periciados.

 

O Brasil teve, em 2021, um estupro a cada 10 minutos e um feminicídio a cada 7 horas, de acordo com levantamento do Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP) publicado no dia 8 de março de 2022.

 

Segundo as estatísticas, foram contabilizados 56.098 estupros – incluindo de vulneráveis — do gênero feminino, em todo o país, um aumento de 3,7% em relação ao ano anterior. Os casos de feminicídio caíram apenas 2,4%, foram 1.319 vítimas em 2021 e 1.351 no ano anterior. Foi um feminicídio a cada sete horas.

com 247


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp