Brasil

Juíza paraibana é encontrada morta dentro de carro em Belém

Foi encontrado nesta terça-feira (17), em Belém, no Pará, o corpo da juíza Mônica Maria Andrade Figueiredo de Oliveira. A Polícia Civil investiga as causas da morte da mulher que foi encontrada dentro do carro do seu companheiro, o também juiz João Augusto Figueiredo de Oliveira, com ferimento de arma de fogo no peito, no estacionamento de um prédio em Belém, informa o G1.

 

Natural de Barra de Santana, na Paraíba, a juíza visitava com frequência o estado. Ela residia em Campina Grande, na Paraíba, e periodicamente ia ao Pará para visitar o marido. Eles haviam se casado em julho do ano passado. A paraibana atuava no Rio Grande do Norte.

 

A magistrada era natural prima da vereadora de Campina Grande Ivonete Ludgério (PSD).

 

A polícia quer saber a motivação do companheiro da vítima, que ao invés de chamar a polícia após achar a mulher morta, levou o corpo até a sede da Divisão de Homicídios da Polícia Civil, no bairro do São Brás, onde o caso está sendo investigado.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp