Bahia

Justiça cancela show de Gusttavo Lima de R$ 700 mil na Bahia; custo da festa seria de R$ 2 milhões

A Justiça da Bahia cancelou o show do cantor Gusttavo Lima na cidade de Teolândia, cidade há 194 km de Salvador, onde seria realizado o XVI Festival da Banana, previsto para acontecer entre os dias 4 e 13 de junho. De acordo com o Ministério Público da Bahia (MP-BA) o custo da festa se aproxima dos cerca de R$ 2,3 milhões recebidos pela prefeitura, vindos do Governo Federal, desde quando foi decretado, em 26 de dezembro de 2021, estado de emergência em consequências das fortes chuvas que castigaram o município.

 

“Não é possível que o mesmo município, que informou necessitar de ajuda e recursos para salvaguardar a sua população de catástrofe natural, mesmo vivenciando um estado de calamidade televisionado para o Brasil inteiro, anuncie, em poucos meses, a contratação de artistas com cachês incompatíveis com as dimensões, arrecadações, necessidades de primeira monta e saúde financeira do município”, diz o MP-BA.

 

Além de Gusttavo Lima, que vem recebendo uma onda de críticas sobre a cobrança de cachês milionários em diversas cidades do país, o Festival da Banana contaria com mais 28 atrações. Só o cachê do sertanejo era de R$ 704 mil.

 

Ao todo seriam gastos com os festejos cerca de R$ 2 milhões, conforme reportagem do portal G1. O valor corresponde a 40% do dinheiro gasto com a saúde do município no último ano.  valor se aproxima dos cerca de R$ 2,3 milhões que o governo federal encaminhou à prefeitura, em 26 de dezembro de 2021, por causa da emergência da chuva.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp