Brasil

Líder dos caminhoneiros diz que greve “é o mais provável” diante dos novos reajustes nos combustíveis

O líder dos caminhoneiros autônomos Wallace Landim afirmou que a categoria luta pela mudança na política de preços da Petrobrás

247 – O líder dos caminhoneiros autônomos Wallace Landim disse nesta sexta-feira, 17, que uma greve da categoria “é o mais provável” diante do novo reajuste no preço dos combustíveis.

 

Ele afirmou que a luta da categoria é pela mudança na política de preços da Petrobrás. “A verdade é que, de uma forma ou de outra, mantendo-se essa política cruel de preços da Petrobras, o país vai parar novamente. Se não for greve, será pelo fato de se pagar para trabalhar”, afirmou, em nota. “Essa luta não é só dos caminhoneiros, mas de todo o povo brasileiro”.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp