Brasil

Lula lamenta mortes em Foz e culpa Bolsonaro, um “presidente irresponsável”

O ex-presidente criticou o “discurso de ódio estimulado por um presidente irresponsável”

 

 

247 –  O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) lamentou neste domingo (10) o assassinato do guarda municipal Marcelo Arruda, vítima do  bolsonarista José da Rocha Guaranho, que também morreu, em Foz do Iguaçu (PR).

“Meus sentimentos e solidariedade aos familiares, amigos e companheiros de Marcelo Arruda”, escreveu o ex-presidente no Twitter. “Também peço compreensão e solidariedade com os familiares de José da Rocha Guaranho, que perderam um pai e um marido para um discurso de ódio estimulado por um presidente irresponsável”.

Nomes do PT como os deputados Zeca Dirceu (PR) e Gleisi Hoffmann (PR), além do senador Humberto Costa (PE) também se pronunciaram.

No PSOL, o pré-candidato a deputado federal Guilherme Boulos e Juliano Medeiros, presidente da sigla, lamentaram o crime e fizeram críticas a Bolsonaro. 


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp