Pernambuco

Menina é esmagada por placa de concreto de muro do metrô do Recife

Uma placa de concreto que compõe o muro do metrô caiu e esmagou uma criança de 8 anos na comunidade do Papelão, no bairro do Coque, na região central do Recife. O acidente ocorreu quando a menina participava de uma festa promovida por uma ONG, em comemoração ao Dia das Crianças (veja vídeo acima).

 

‘Apertou a minha mão e mexeu as duas perninhas’, diz mãe
A garota, que está intubada, foi internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátrica do Hospital da Restauração (HR), no bairro do Derby. Segundo testemunhas, Kemilly Kethelyn Lino da Silva foi atingida pelo muro por volta das 13h do sábado (16).

 

De acordo com o boletim médico do HR, divulgado no início da noite deste domingo (17), o estado de saúde da menina é grave, porém estável. No sábado, ela foi submetida a uma cirurgia no quadril e respira com ajuda de aparelhos. Ainda segundo a nota, ela sofreu politraumatismo.

 

A festa foi realizada na Avenida Central. A menina estava em pé, na calçada, quando a estrutura desabou. Por pouco, outras crianças, que estavam almoçando junto com Kemilly, também não foram atingidas.

 

De acordo com a mãe de Kemilly, a dona de casa Caroline Pereira da Silva, a garota passou por uma cirurgia na madrugada deste domingo (17).

 

“Ela saiu da cirurgia e está na sala de recuperação. A operação foi na bacia dela, que teve uma fratura. Ela estava tão feliz. Eu não fui, porque estava ajeitando as coisas em casa. Ela tomou banho, se arrumou toda e eu amarrei o cabelo dela. Estavam tias, pessoas da família. A festa foi bem perto de casa. Eu quero minha filha de volta”, disse a mãe de Kemilly.

 

O enfermeiro Jonata Bruno faz parte da ONG Mão Amiga, que atende 120 famílias em situação de vulnerabilidade social e que promoveu a festa. O profissional de saúde estava no local e ajudou no socorro de Kemilly. Segundo ele, o muro estava bastante danificado e, em alguns trechos, já tinha desabado.

 

Ele disse, também, que na região não há espaço de lazer para as crianças, e que, por isso, a extensão do muro do metrô é o único lugar em que os pequenos podem brincar. A Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) é a responsável pela estrutura.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp