Rio Grande do Norte

Morre o ex-governador Lavoisier Maia, aos 93 anos

O ex-governador do Rio Grande do Norte, morreu aos 93 anos, em sua residência, em Natal, de infecção generalizada.

O médico, professor e ex-governador do Rio Grande do Norte, Lavoisier Maia, morreu nesta segunda-feira, 11 de outubro, na casa que morava em Natal. De acordo com informações, a causa óbito foi uma infecção generalizada, conhecida como sepse.

Lavoisier Maia foi professor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte e exerceu o cargo de governador do Rio Grande do Norte entre 15 de março de 1979 e 14 de maio de 1982. Lavô, como era conhecido, foi o 44º governador do Estado. Além disso, foi senador, deputado federal e deputado estadual.

“É um momento difícil, não só para a família, mas para todo o Rio Grande do Norte que reconhece até hoje o serviço prestado de Lavoisier, ao longo de toda a sua vida pública. Perdemos um grande homem público e um ser humano de virtudes admiráveis”, declarou a viúva Teresinha Maia, casada com ele há 15 anos.

Lavoisier Maia deixa mulher e quatro filhos: Ana Cristina, Márcia, Lauro e Cintia Maia, 13 netos e 3 bisnetos. Lavô tinha completado 93 anos no último dia 09 de outubro.

Lavoisier Maia nasceu em Almino Afonso, no interior do Rio Grande do Norte, em 9 de outubro de 1928. Obteve sua graduação em Medicina pela Universidade Federal da Bahia, se especializando em Planejamento de Saúde na Universidade de São Paulo (USP) e Ginecologia e Obstetrícia pela Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (FEBRASGO).

Enquanto professor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Lavoisier Maia foi chefe do Departamento de Tocoginecologia da Universidade, além de diretor da maternidade Januário Cicco e presidente da Fundação Dinarte Mariz de Estudos e Pesquisas.

*pordentrodoRN

 


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp