Brasil

Morre o prefeito de Goiânia e ex-governador Maguito Vilela

Internado em São Paulo, onde lutava para se recuperar de complicações causadas pela Covid-19, morreu hoje (13) o prefeito reeleito de Goiânia Maguito Vilella (MDB). O ex-governador faleceu aos 71 anos, segundo confirmou o secretário de Comunicação da prefeitura de Goiânia, Bruno Rocha Lima. Ainda não há informações sobre o velório e o sepultamento do político.

A nota divulgada pela Secretaria de Comunicação da capital informou que “a família está providenciando o traslado do corpo de São Paulo para Goiás e ele deve ser sepultado em Jataí, sua terra natal”. O corpo de Maguito poderá ser sepultado em Jataí, cidade de 300 quilômetros de Goiânia.

Maguito Vilela se encontrava em estado grave. Segundo o boletim divulgado ontem, pelo Hospital Israelita Albert Einstein, o prefeito de Goiânia estava em tratamento de infecção pulmonar grave e sendo medicado com altas doses de drogas vasoativas.

emedebista estava na UTI, em diálise contínua, sedado e traqueostomizado em ventilação controlada. Maguito Vilela estava internado no Albert Einstein desde o dia 27 de outubro. Já são mais de 80 dias de internação. Após se recuperar da Covid-19, ele lutava para vencer as sequelas, segundo informou o site do Opcão.

Em agosto deste ano, duas irmãs de Maguito morreram em decorrência da Covid-19 em um intervalo de menos de 10 dias. Elas tinham 82 e 76 anos e moravam em Jataí, segundo o G1 de Goiás.

O advogado e político goiano Luiz Alberto Maguito Vilela, nasceu em Jataí, no sudoeste do estado, em 24 de janeiro de 1949. Ele foi casado com Sandra Regina Carvalho Vilela. Após a separação, casou-se com Carmen Silva, com quem viveu até 2013. Atualmente era casado com Flávia Teles. Ele deixa quatro filhos: Vanessa, Daniel, Maria Beatriz e Miguel; e uma enteada: Anna Liz.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp