menu

Nordeste

12/09/2019


Consórcio NE: Governadores se encontrarão em Natal no dia 16

Grupo se reunirá pela primeira vez em terras potiguares
FOTO: DIVULGAÇÃO/GOVERNO DO RN

O Rio Grande do Norte receberá pela primeira vez em 2019 a reunião do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável do Nordeste. O encontro vai começar às 14h da próxima segunda-feira (16), no Hotel Senac Barreira Roxa, que fica na Via Costeira, em Natal. Todos os estados nordestinos estarão representados no evento.

Dentre as pautas que serão discutidas entre os governadores do Nordeste, estão o projeto Nordeste Conectado e a captação de investimentos para a região, dando prosseguimento à pauta da reunião do dia 21 de agosto, que aconteceu em Teresina/PI. A programação do evento ainda inclui a debates sobre as propostas de reforma tributária, concessões e a situação da Petrobras.

A partir das experiências já realizadas em alguns estados, parte dos investimentos para o projeto Nordeste Conectado, que visa ampliar a conexão de internet em banda larga na região, poderá vir de parcerias internacionais. Para isso, a equipe de secretários do Governo do Estado também levará ao encontro dos governadores um portfólio de investimentos para o Rio Grande do Norte que deverá compor a 1ª agenda internacional do Consórcio Nordeste.

A agenda prevista para novembro visa captar investimentos para o Nordeste, com foco na geração sustentável de emprego e renda para a população da região. O grupo chefiado pelo governador da Bahia e presidente do Consórcio, Rui Costa, viajará para a Europa, onde terá encontros institucionais e empresariais em pelo menos quatro países.

Esta assembleia geral do Consórcio Nordeste no RN também será a primeira após o lançamento do 1º edital de compras coletivas do grupo, para aquisição de medicamentos do componente especializado da assistência farmacêutica. O processo foi lançado na manhã de quarta-feira (11), em Salvador-BA.

Após o encontro no Piauí, em agosto, as secretarias estaduais de saúde passaram a recolher as informações sobre as demandas locais e definiram os itens com maior potencial de atendimento à população.

A medida beneficia diretamente a população dos nove estados nordestinos e os cofres públicos com a possibilidade de redução no valor dos remédios, melhor distribuição e controle de estoque. O material adquirido poderá ser compartilhado a partir do contrato de programa assinado pelos estados, que vale para todas as compras que serão realizadas pelo Consórcio.


Portal no Ar

Notícias relacionadas