menu

Maranhão

19/04/2016


Governo lança edital para rede de abastecimento

O Governo do Maranhão, por meio da Comissão Central Permanente de Licitação (CCL), lançou o edital de licitação, na modalidade Pregão, para aquisição de materiais hidráulicos com o objetivo de implantar o Sistema de Abastecimento de Água (SAA) em São Luís e em mais nove cidades. O valor total estimado para a licitação é de R$ 44,6 milhões. O prazo de entrega dos materiais será de 30 dias corridos a contar da data do recebimento da nota de empenho ou da ordem de fornecimento.

O processo licitatório na modalidade pregão presencial n° 33/2016, do tipo menor preço visa o Registro de Preço para aquisição de materiais hidráulicos para utilização nos serviços de assentamento de redes, adutoras e sub-adutoras, manutenção e operação dos sistemas de abastecimento de água da Caema.

O recebimento do material será realizado em duas etapas: recebimento provisório, a fim de que sejam feitas verificações da conformidade do material com as especificações exigidas no termo de referência; e o recebimento definitivo, que ocorrerá após a fiscalização e constatação das características exigidas.

A primeira sessão pública tem data marcada para o dia 2 de maio deste ano, no auditório Benedito Dutra Mendonça, na sede da Comissão Central, na Avenida Colares Moreira, Quadra 19, nº 09, bairro Calhau. “Esta licitação visa dar cumprimento a mais uma meta do governador Flávio Dino de regularização do sistema de abastecimento de água dos municípios maranhenses”, destacou o pregoeiro oficial do estado, Odair José Neves.

Além de São Luís, serão beneficiadas as cidades de Imperatriz, Chapadinha, Pinheiro, Pedreiras, São João dos Patos, Santa Inês Itapecuru, Presidente Dutra e Coroatá, de interesse da Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema).

O edital de licitação já está à disposição dos interessados, na página da Comissão Central, www.ccl.ma.gov.br, ou ainda pode ser obtido no endereço da sede da CCL, de segunda à sexta-feira, no horário das 8h às 12h e das 14 às 18h, ao custo de uma resma de papel A4. 

Notícias relacionadas