menu

Brasil

23/03/2018


PCDF investiga participação de militares no comércio ilegal de armas

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) deflagrou hoje (23) a Operação Shooter com o objetivo de desarticular uma associação criminosa que praticava comércio ilegal de armas de fogo e munições. De acordo com a PCDF, já foram cumpridos 21 mandados de prisão temporária, além de diversos mandados de busca e apreensão.

Seis pessoas foram presas em flagrante. Entre as armas apreendidas há três pistolas, um rifle e um revólver. Os policiais apreenderam também munições de vários calibres. Por meio de nota a PCDF informou que a ação contou com a participação de 180 policiais civis e que a investigação já durava 50 dias.

Está prevista para as 15h uma coletiva de imprensa, na qual as autoridades responsáveis pela investigação falarão sobre a participação de militares e ex-militares do Exército e da Aeronáutica que integram a associação criminosa.

Agência Brasil

Notícias relacionadas