Pernambuco

‘O espetáculo se reinventa, se renova a cada ano’, diz Robinson Pacheco sobre volta da Paixão de Cristo no Teatro Nova Jerusalém

Presidente da Sociedade Teatral de Fazenda Nova disse que, mesmo com todos os desafios enfrentados nestes dois anos, a expectativa para o setor econômico é muito boa.

 

O presidente da Sociedade Teatral de Fazenda Nova, Robinson Pacheco falou sobre a volta do maior espetáculo da Paixão de Cristo, no Teatro de Nova Jerusalém, em Brejo da Madre de Deus, no Agreste de Pernambuco. O evento, que não acontecia há dois anos por causa da pandemia da Covid-19, vai ser de 9 a 16 de abril.

À Rádio CBN Caruaru, Robinson Pacheco falou da expectativa para essa volta. “O espetáculo se reinventa, se renova a cada ano, é uma coisa que marca a gente nesse trabalho, porque a gente sabe que a história sempre será a mesma, mas a estrutura de cenografia ela pode ser evoluída, incrementada. Então a gente procura fazer uma mudança na parte de cenografia, de figurino, de elenco e efeitos especiais, estamos sempre inovando. Esse ano, por exemplo, depois de dois anos paralisados, a gente está investindo muito na parte de iluminação cênica e do som, ontem tivemos um ensaio geral aqui, onde o som e a iluminação cênica. Trouxemos de São Paulo, um caminhão de refletores, quase o dobro de 2019”, explicou o presidente.

Mesmo com todos os desafios enfrentados nestes dois anos, a expectativa para o setor econômico é muito boa. “Trabalhamos com dedicação para poder permanecer aqui esse espetáculo, a expectativa é positiva, estamos com 28% a 30% a mais em relação ao ano de 2019. Estamos aqui com um termômetro que a gente sempre analisa, por exemplo, as casas que são alugadas em Fazenda Nova que ficam perto do teatro estão praticamente todas alugadas, os hotéis aqui estão todos lotados, os comerciantes de fora que compram o seu estande aqui na Arena da Paixão, as pessoas estão vindo de fora. Então isso é economia e vai dando sinais de que a gente vai ter uma temporada histórica”, disse Robinson.

O presidente da Sociedade Teatral de Fazenda Nova estima que o público seja de oito a dez mil pessoas por noite durante o espetáculo. “A gente tem acompanhado diariamente, no mínimo duas vezes por dia essas informações, a gente acredita que vamos receber de oito a dez mil pessoas por dia, é uma coisa muito boa, porque a gente está há dois anos nesse sofrimento, com uma estrutura pesada, a gente mantém aqui 80 empregos periodicamente diretos e trabalhando, então isso requer recursos, requer condição de manutenção”.

Este ano, os atores convidados para compro o elenco são Gabriel Braga Nunes, no papel de Jesus; Luciano Szafir como Herodes; Christine Fernandes como Maria; Sérgio Marone interpretando Pilatos; e a influenciadora digital Thaynara OG fazendo o papel de Herodíades. A neta de Plínio Pacheco, criador do teatro, Marina Pacheco, sempre esteve na produção e esse ano vai fazer o papel de Maria Madalena, ela comenta que é uma edição diferente e com a missão de defender a história de Madalena.

 

 

g1pe


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp