Ceará

PDT do Ceará tem crise após apoio do PT ao nome de Izolda Cela na disputa ao Governo

O apoio do PT a Izolda Cela (PDT) para o governo do Ceará tem levado a legenda pedetista a uma polarização interna jamais vista no cenário político local. De acordo com reportagem do site O Cafezinho, o racha está relacionado ao grupo ligado ao  ex-prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, que tem o apoio da ala ligada ao ex-ministro e presidenciável Ciro Gomes, que tem trabalhado para ser o candidato governista na disputa pelo Palácio da Abolição.

 

“Já o presidente da Assembleia, Evandro Leitão (PDT), praticamente desistiu da empreitada após a saída de Camilo Santana (PT) do governo. A tendência é que Leitão apoie o nome do PDT chancelado por Camilo”,  ressalta a reportagem.

 

Dentro do PT, o movimento pela candidatura de Izolda é capitaneado pelo o deputado estadual Acrísio Sena. Nesta linha, membros da cúpula do PT cearense alegam que o nome da pedetista tem uma maior entre o eleitorado lulista que o do ex-prefeito Roberto Cláudio. Além disso, a origem partidária de Izolda é o próprio Partido dos Trabalhadores.

 

Nesta terça-feira (3), a bancada da legenda no Ceará teve um encontro com o ex-governador Camilo Santana para discutir o apoio da legenda ao nome de Izolda e uma possível dobradinha com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva Lula no palanque estadual.

 

O ex-ministro e presidenciável pelo PDT, Ciro Gomes, criticou as negociações entre os dois partidos e afirmou em entrevista a uma rádio local que o acordo entre os partidos poderá ser rompido caso tenha, segundo ele, “negócio de conchavo, de picaretagem”.

Brasil 247


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp