Nordeste

Presidente do Consórcio Nordeste repudia discurso de Bolsonaro: “Que presidente vai à ONU fazer críticas ao próprio país?

Wellington Dias (PT), governador do Piauí e presidente do Consórcio Nordeste, repudiou o discurso do presidente Jair Bolsonaro (Sem partido) na Assembleia Geral da ONU. Ele criticou Bolsonaro por responsabilizar governadores e prefeitos pelas consequências da pandemia da Covid-19 na economia.“Que presidente de um país, do Brasil e de outros países, ao longo da história foram à ONU para colocar a culpa, para colocar responsabilidade, para fazer críticas ao seu próprio país? Nós somos uma federação e governadores e prefeitos do Brasil seguimos a ciência, e vamos seguir. Aqui não tivemos nenhuma dúvida, com muita coragem e determinação buscamos contribuir para salvar vidas, a vida em primeiro lugar, o pacto pela vida era isso que queríamos do presidente da república”, disse.

Dias apontou que o povo brasileiro espera união de Bolsonaro com os líderes estaduais pelo crescimento do país.

 

“Agora ele vai à ONU para colocar a responsabilidade pela situação social, econômica, resultado da pandemia, em quem tem trabalhado duro para salvar vidas. Repudiamos firmemente  esta posição e queremos dizer da importância do Brasil criar juízo e a união de todas as autoridades, pensando no Povo em primeiro lugar, na vida, mas também no social, no econômico, gerar emprego e juntos”, afirmou.

 

 

 


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp