Arquivo Nordeste

Tasso Jereissati: PSDB entra com ação para obrigar Bolsonaro a respeitar regras sanitárias

247 – No início da sessão da CPI da Covid-19 desta terça-feira (18), o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), membro titular da comissão, anunciou que seu partido está ingressando com ação na Justiça “para obrigar o presidente Bolsonaro a respeitar as regras sanitárias na pandemia”. Segundo Jereissati, a ação tem por objetivo proibir Bolsonaro de promover aglomerações e obrigá-lo a usar máscara em eventos públicos.

Em função das seguidas demonstrações de desrespeito de Bolsonaro às normas sanitárias, Tasso pediu a reconvocação do ministro da Saúde à CPI para explicar a razão de o chefe do governo continuar a agir desta maneira. A sessão foi marcada pela denúncia do vice-presidente da CPI, senador Randolfe Rodrigues, de que vários membros da comissão estão recebendo ameaças – ele não mencionou, mas os senadores de oposição são os alvos das ameaças. Ele pediu proteção policial aos senadores.

Foram aprovados no início da sessão requerimentos de convocação do coronel Antônio Elcio Franco Filho, ex secretário-executivo do Ministério da Saúde e bolsonarista radical, e  o médico olavista Hélio Angotti Neto, secretário de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde. O presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM) confirmou que em 1 de junho será ouvido o  secretário estadual de Saúde do Amazonas, Marcelus Campêllo.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp