Política

Walter Santos: Além da força eleitoral de Lula e Bolsonaro, qual o impacto da Calvário e seus desdobramentos na disputa de 2022?

Embora a fase atual da construção política na Paraíba esteja tomada de articulações sobre a influência dos líderes nacionais na disputa no estado, sem ignorar a polarização entre Lula e Bolsonaro com melhor performance do ex-presidente, se faz fundamental inserir e entender os efeitos eleitorais da crise interna no PT paraibano reagindo contra o ex-governador Ricardo Coutinho e, pior, sobre os desdobramentos da Operação Calvário no atual embate na direção de 2022.

 

São duas situações distintas, a começar pela resistência ao líder socialista, mas tem algo muito mais forte em curso.

 

Antes de qualquer ilação política e análises sobre o histórico dos líderes locais para 2022, não se pode tratar responsavelmente o futuro político na Paraíba sem incluir os efeitos dos conteúdos, gravações, documentos e delações da Operação Calvário com provas graves, como consta no TJPB, a incriminar o entorno do ex-governador Ricardo Coutinho.

 

Este é, na essência, o debate real de futuro que vai explodir/reaquecer já já podendo afetar fortemente Lula, como já atingiu o ex-governador ao ficar em 6o lugar na disputa para a Prefeitura de João Pessoa, que o projetou para o país, em face de juízo de valor contemporâneo que a cúpula do PT insiste em ignorar e, por isso, atrai prováveis graves consequências à campanha de Lula.

 

Na abordagem responsável que se faz na conjuntura não há como ignorar os ótimos efeitos das gestões de resultado de RC, entretanto a montagem do esquema com OSs para manter propinas na Saúde, conforme relatam diversos personagens e delações, sujou o saldo da então história extraordinária singular do ex-governador.

DEFESA AMPLA E GERAL

 

Leve-se em conta que não há como ignorar a fundamental necessidade de amplo direito de defesa ao ex-governador, entretanto a questão de fundo não se trata de narrativas de perseguição judicial com semelhanças ao Caso Lula na Lava Jato, onde inexiste qualquer documento incriminador contra o ex-presidente, mas no caso de RC o processo estourou como escândalo no MP do Rio de Janeiro (e não na Paraíba), cuja delação do negociador Daniel Gomes é arrasadora e sem manipulação nem edição técnica das gravações.

O PT FARÁ OPÇÃO

 

Esta é a questão de fundo que o PT Nacional precisará reavaliar diante da possibilidade de Lula ser bombardeado na campanha porque a falta de ética na atividade política é veneno destruidor nos tempos de hoje.
A reação interna no PT paraibano extrapola valores de crise local, mas fundamentalmente conjuntural.

FATO COMPROVANTE

 

Nos autos, segundo informações, há caso de envolvido felpudo da Calvário devolvendo 4 apartamentos obtidos de forma ilegal ao longo dos anos recentes. Este é um fato a merecer reflexão.

CONCLUSÃO

 

Em síntese, não se trata de torcida a favor ou contra, mas de análise serena sobre a essência conjuntural decisiva ao futuro da Paraíba e da campanha do ex-presidente.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp