Nordeste

Wellington Dias entrega novas viaturas a forças de segurança do Piauí

“Estamos estruturando uma área estratégica que possui uma integração com a força nacional, que é a Rone, mas também com a Polícia Civil, que tem um papel muito importante também nessa área da inteligência e investigação e o Corpo de Bombeiros. Esses investimentos irão permitir que estejamos mais preparados para o enfrentamento do crime organizado, pois estamos vivendo um momento muito desafiador, especialmente com o narcotráfico. O que defendo junto aos Fórum dos Governadores é uma força nacional especializada em fronteiras e integrada também às inteligências dos Estados”, afirmou o chefe do Executivo estadual.

 

De acordo com o secretário de Estado da Segurança Pública, coronel Rubens Pereira, os investimentos fazem parte da modernização das forças de segurança do Estado. “Dentro das forças de segurança, há as instituições especializadas no enfrentamento à criminalidade violenta, que são o Bope, a Rone, a Perícia Criminal e a Polícia Civil e há a necessidade, nesse momento, de modernização nessa cooperação que temos dentro do Sistema Único de Segurança Pública com o Ministério da Justiça, por meio dos recursos do Fundo Estadual de Segurança Pública. É com essas ações que queremos criar mecanismos necessários de enfrentamento, oferecendo as condições para que tenhamos resultados positivos nas nossas ações”, declarou o secretário.

O comandante da PM-PI, coronel Lindomar Castilho, ressaltou que as viaturas serão destinadas à capital e ao interior do estado. A meta é renovar toda a frota do estado. “São 28 viaturas para a PM, lembrando que em janeiro foram entregues 250 viaturas. Então, estamos renovando praticamente toda nossa frota. Nossa meta é que todos os municípios tenham viaturas novas, o que vai permitir maior eficiência no policiamento, maior poder de patrulhamento, visibilidade, ostensividade para fazer aquilo que é próprio da Polícia Militar, tudo isso pensando na segurança do cidadão do estado do Piauí”, disse o comandante.

 

“É mais um reforço dentro desse programa de renovação e ampliação da frota de veículos utilizados pela Polícia Militar, Polícia Civil e pelo Corpo de Bombeiros. Neste caso, são 42 veículos que vêm dessa cooperação entre os Estados e o Governo Federal, com relação à força nacional de segurança. Os Estados entram com o efetivo e a União retribui com equipamentos, notadamente as viaturas que irão reforçar o policiamento aqui no estado do Piauí”, disse Rafael Fonteles, secretário de Estado da Fazenda e coordenador-geral do PRO Piauí.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp