Nordeste

Wellington Dias responde PGR e diz que hospitais de campanhas foram fechados por falta de pacientes

247 – O governador do Piauí, Wellington Dias (PT), reagiu ao pedido da subprocuradora-geral da República, Lindora Araújo, para que governadores enviem informações sobre hospitais de campanha desativados e sonre uso de recursos públicos. 

 

“A grande pergunta é por que fechamos hospitais de campanha, estados e municípios. Porque não tinha pacientes. Graças a Deus, ali num dado num momento, fizemos dois movimentos em meio a uma pandemia: dobrar ou triplicar a rede permanente pública de hospitais, ou em parcerias com o setor privado, e já não precisavam mais hospitais provisórios, como eram hospitais de campanha”, disse Dias. 

 

“Se não tinha pacientes, qual era o sentido de ficar três, quatro, cinco, seis meses pagando por cada leito de hospital de campanha se já não tinha necessidade?”, acrescentou o governador piauiense. 

 

Wellington Dias, que é coordenador da área de vacinas do Fórum Nacional de Governadores, disse ainda que boa parte do dinheiro aplicado nos hospitais de campanha veio dos cofres estaduais e que foram prestadas contas com toda a transparência aos órgãos de controle. E apontou a responsabilidade do governo federal.

 

http://revistanordeste.com.br/wellington-dias-responde-pgr-e-diz-que-hospitais-de-campanhas-foram-fechados-por-falta-de-pacientes/


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp