Nordeste

Rui Costa lamenta marca de 100 mil mortes por Covid-19 no Brasil: “famílias despedaçadas”

A pandemia no Brasil é marcada pela falta de uma coordenação nacional, já que o governo Jair Bolsonaro se eximiu de suas responsabilidades e segue sem um ministro da Saúde.

08/08/2020


Revista Nordeste

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), lamentou a marca de 100 mil brasileiros mortos pelo novo coronavírus, essa que foi ultrapassada neste sábado (8). A pandemia no Brasil é marcada pela falta de uma coordenação nacional, já que o governo Jair Bolsonaro se eximiu de suas responsabilidades e segue sem um ministro da Saúde.

“Atingimos a marca de 100 mil brasileiros e brasileiras vítimas fatais do coronavírus. São milhares de famílias despedaçadas. Meus sentimentos a todas estas pessoas que perderam seus parentes e amigos nesta guerra contra a pandemia”, publicou, nas redes sociais.

Rui ainda reiterou o “compromisso de continuar trabalhando e lutando até vencer este inimigo invisível” no Estado da Bahia.

LEIA MAIS: Brasil, 100 mil mortes pela Covid 19: Bolsonaro se cala e país segue sem ministro da Saúde


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.