Ceará

Vacinação tem início no interior após governo distribuir as doses recebidas

O governo do Ceará usou uma logística que envolveu aviões helicópteros e caminhões para distribuir as primeiras doses que chegaram ao Estado.

Após desembarcarem em Fortaleza no final da tarde dessa segunda-feira (18), as primeiras 218 mil doses da vacina Coronavac, imunizante de proteção contra a Covid-19, seguiram imediatamente para os demais municípios cearenses, seguindo o que foi elaborado no plano de logística do governo do Ceará. Os lotes foram distribuídos na capital e para mais vinte cidades polo que correspondem às áreas descentralizadas de saúde, de onde o material foi repassado aos demais municípios

Fortaleza foi o município que primeiro vacinou e o que mais recebeu doses nesse primeiro momento, 80.000 ao todo. A técnica de enfermagem do Hospital estadual Leonardo da Vince, Maria Silvana Souza Reis, 51 anos, foi a primeira a receber o imunizante de no Ceará.

Iniciar a vacinação poucas horas após receber as doses só foi possível devido ao planejamento iniciado há meses pelo governo do Ceará, segundo Magda Almeida, secretária executiva de vigilância e regulação da Secretaria da Saúde (SESA).  “Essa agilidade só foi possível por conta do planejamento de aquisição,  compras e logísticas, da célula de imunização da SESA, que desde julho do ano passado vem planejando essa imunização”,  destacou.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp