Internacional

China rebate EUA após receber ameaças: “movimento desprezível dos EUA só serve para provar sua consciência culpada”

247 – A China emitiu uma dura resposta aos Estados Unidos após o alerta da administração Joe Biden a países que não rompam relações comerciais com a Rússia durante o conflito armado na Ucrânia.

“Como um cooperador da crise ucraniana, por que os Estados Unidos ficam acusando a China, ao invés de refletir sobre a situação de segurança na Europa, causada pela expansão a leste da Otan liderada pelos Estados Unidos. Por que os Estados Unidos não refletem sobre seu movimento hipócrita de assistir ao fogo do outro lado do rio após alimentar as chamas? A última coisa que os EUA deviam fazer é atirar lama na China, que não é um lado diretamente envolvido. O Movimento desprezível dos EUA só serve para provar sua consciência culpada e objetivo de lucrar com a crise ucraniana”, rebateu Zhao Lijian, <span;>spox<span;> da chancelaria chinesa, nesta sexta-feira, 18, questionado sobre se a China diria que ataques teriam sido cometidos pelas forças russas contra civis.

Questionado pela Agência de Notícias Xinhua sobre as discussões nos EUA sobre maneiras de apoiar os refugiados ucranianos, Lijian disse que a China está preocupada com a situação humanitária no país do Leste Europeu:

“A China está seriamente preocupada com o agravamento da situação humanitária na Ucrânia e está triste pelo número crescente de vítimas civis e refugiados, conforme relatado pela mídia. A tarefa mais urgente é que todas as partes cessem o fogo e acabem com os combates o mais rápido possível, exerçam a máxima contenção, garantam a segurança e as necessidades humanitárias básicas dos civis e evitem uma crise humanitária mais massiva. A China atribui grande importância à situação humanitária na Ucrânia e apresentou uma iniciativa de seis pontos. A Cruz Vermelha da China forneceu três lotes de suprimentos humanitários para a Ucrânia. O terceiro lote é principalmente de suprimentos para ajudar a Cruz Vermelha Ucraniana a fornecer ajuda às crianças deslocadas afetadas pelo conflito”.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp