Ceará

Camilo Santana condena ações bandidas de policiais grevistas baleando Cid Gomes

19/02/2020


O governador Camilo Santana revelou no início desta quarta-feira que considera  “inaceitável a extrema violência sofrida pelo senador Cid Gomes, atingido por dois tiros, hoje, em Sobral. Violência provocada por um grupo de policiais mascarados, amotinados num quartel”.

Ele foi duro as providências: ” Reforço que já havia solicitado formalmente apoio de tropas federais para o Ceará aos ministros Luiz Eduardo Ramos e Sérgio Moro, para uma ação enérgica contra essas pessoas que têm agido como criminosos”.

– Esses crimes não ficarão impunes! Não mediremos esforços para restabelecer a ordem e garantir a paz da população cearense, finalizou .


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.