Nordeste

Com presença de Wellington Dias, familiares e amigos se despedem do deputado federal Assis Carvalho (PT-PI)

O deputado morreu vítima de infarto nesse domingo (5)

06/07/2020


Governador esteve presente no velório de Assis Carvalho — Foto: Divulgação

Amigos, familiares e admiradores do deputado federal Assis Carvalho (PT-PI) se despediram do parlamentar, pela última vez nesta segunda-feira (6), durante velório que aconteceu na cidade natal de Assis Carvalho, Oeiras, a 290 km de Teresina. O deputado morreu vítima de infarto nesse domingo (5).

O velório aconteceu inicialmente de forma restrita, apenas para a família e amigos próximos, no sítio que o deputado tinha no povoado Correntinho, na Zona Rural de Oeiras.

Em seguida, em uma funerária da cidade, o velório foi aberto, para que pudesse contar com a presença de admiradores. O deputado teve grande parte de sua atuação política em sua cidade natal.

O governador Wellington Dias (PT), acompanhado da primeira-dama e deputada federal Rejane Dias (PT-PI), esteve presente no velório.

Segundo a assessoria do parlamentar, o sepultamento do deputado aconteceu no cemitério Campo da Esperança, no bairro Vila Santa Teresa, em Oeiras, onde o pai de Assis Carvalho também está sepultado.

Familiares e amigos se despedem do deputado Assis Carvalho — Foto: Divulgação

 

Sofreu infarto em casa

O deputado federal Assis Carvalho (PT-PI) morreu após sofrer um infarto nesse domingo (5). De acordo com a assessoria, ele estava em casa, na cidade de Oeiras, quando sofreu o infarto. Ele seria transferido para Teresina, mas acabou falecendo em sua cidade natal.

Governo do Estado declarou luto oficial de três dias, no Piauí, pelo falecimento do deputado, assim como a Prefeitura de Teresina.

Amigo pessoal do deputado, o governador Wellington Dias (PT) publicou em suas redes sociais uma mensagem ao deputado:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Foi inacreditável receber esta notícia. Na verdade, foi um golpe duro e muito lamentável: Assis Carvalho, meu companheiro, meu colega, meu amigo da vida inteira. Meu irmão. Um combatente guerreiro, mas alegre e cheio de energia. No âmbito pessoal, um homem cheio de virtudes, das quais, destaco a receptividade: o melhor anfitrião que já conheci. Chegar na casa dele, em Oeiras, era sempre uma festa, fosse em qualquer hora ou qual época do ano. Vivemos incontáveis momentos juntos. Começamos nossa experiência pública juntos no movimento sindical e oriundos da mesma Caixa Econômica Federal. No Sindicato dos Bancários, lutamos e dividimos conquistas impensáveis para aquele tempo em que atuamos. Na política, nas lutas do nosso Partido dos Trabalhadores, na gestão pública, na vida real. Ele era sempre o primeiro a me defender, em público ou não, e o primeiro a dizer que eu estava errado, se a ocasião pedisse. Que falta você vai fazer ao nosso Piauí, Assis. Obrigado por tantos serviços prestados à nossa gente. O seu legado estará sempre em nossos corações e em cada obra e ação que você realizou enquanto esteve aqui. À família, todo o meu carinho. O Wellington, o amigo de vocês, está aqui para o que precisarem. Vá em paz, meu líder!

Uma publicação compartilhada por Wellington Dias (@wellingtondiasoficial) em 5 de Jul, 2020 às 2:51 PDT


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.