Nordeste

‘Comportamento do soteropolitano tem sido exemplar’, diz ACM Neto sobre reabertura das praias

Prefeito também falou sobre aumento de 10% na demanda de hospitais particulares para Covid-19. Entrevista foi realizada durante assinatura de ordem de serviço para construção de viaduto

24/09/2020


O prefeito ACM Neto elogiou o comportamento dos baianos após a reabertura de praias em Salvador. Em entrevista coletiva nesta quinta-feira (24), ele disse que os banhistas estão dando exemplo, na retomada da atividade.

“Nós abrimos as praias e, de segunda-feira (21) para cá, o comportamento do soteropolitano tem sido exemplar. Não houve, até agora, um episódio sequer que indicasse um descumprimento em flagrante aos protocolos e regras estabelecidos pela prefeitura. Isso é muito positivo. A reabertura das praias sempre trouxe grande preocupação a todos”, disse Neto.

Ainda sobre assuntos relacionados à Covid-19, o prefeito disse que as taxas de ocupação hospitalar da rede pública continuam controladas. No início deste mês, a prefeitura e o governo do estado iniciaram um processo de conversão de leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), exclusivos para Covid-19, para tratamento de outras doenças.

“A taxa de ocupação na rede pública continua controlada, mesmo com a conversão de leitos, ela continua administrada. No entanto, os sinais que vêm de fora [do Brasil] indicam claramente a necessidade de continuarmos com cautela e prudência. Eu vejo euforia em alguns setores. Um desejo, que eu compreendo, da retomada plena, mas não dá para descuidar”, ponderou Neto.

Apesar das taxas de ocupação da rede pública estarem estabilizadas, o prefeito falou que houve crescimento de 10% nas UTIs da rede privada. Neto disse, no entanto, que não enxerga motivo de preocupação.

“Houve uma certa elevação na demanda pela rede particular. Tínhamos chegado a cerca de 10% de taxa de ocupação dos leitos na rede particular e isso cresceu para algo em torno de 20%. É um número, claro, confortável, no entanto a gente colhe depoimento de hospitais que estavam há algum tempo sem receber pacientes, ou recebendo um volume muitíssimo pequeno”, avaliou.

A entrevista foi dada durante a assinatura de uma ordem de serviço para construção de um viaduto que vai fazer a ligação entre a região do Shopping da Bahia e o Acesso Norte. A obra será complementar ao BRT. O investimento é de R$ 30 milhões, com prazo de 11 meses pra execução. As informações são do G1.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.