Nordeste

Governador do Piauí diz que Bolsonaro desrespeita pacientes e profissionais da saúde ao incentivar invasões

Em ato de despreparo, segundo Dias, a atitude só estimula a população a balburdia, ao não respeitar o ambiente hospitalar

15/06/2020


Revista Nordeste

O governador do Piauí Wellington Dias (PT) concedeu entrevista nesta segunda (15) e comentou sobre os ataques do presidente Jair Bolsonaro a profissionais de saúde e pacientes, vítimas da Covid-19, ao incentivar apoiadores a invadirem hospitais para ‘filmarem’ as ações dos governadores.

Em ato de despreparo, segundo Dias, a atitude só estimula a população a balburdia, ao não respeitar o ambiente hospitalar, além de se colocarem em risco, já que muitos dessas unidades hospitalares tratam pacientes infectados pela doença, se auto contaminando.

“Eu já não encontro realmente palavras para classificar atos como esse vindo do presidente da república do Brasil, estimulando pessoas através de redes sociais pra que invadam hospitais, avaliou o governador do Piauí, Wellington Dias, para acrescentar:

“Isso é um desrespeito aos pacientes com risco, mesmo, risco de morte. Um desrespeito aos profissionais de saúde. E principalmente, o que esperamos mesmo, senhor presidente, é de um apoio efetivo para essa integração: municípios, estados, governo federal e o setor privado para integrados ter um plano capaz de sinalizar para o Brasil inteiro um caminho para vencer o coronavírus”, afirmou Wellington Dias.

LEIA MAIS: Aras cobra do Ministério Público investigação contra mandantes de invasão a centros de saúde


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.