Brasil

Ministro daJustiça garante: “todos criminosos serão punidos”

26/10/2014


Em entrevista exclusiva ao 247, o ministro da Justiça, Eduardo Cardozo, afirma que já mobilizou a Polícia Federal e todos os órgãos de inteligência para identificar as pessoas que estão criando mentiras que estão sendo disseminadas nas redes sociais: “Todos os criminosos serão punidos. O que estão fazendo é um atentado contra a democracia brasileira e um crime para turvar a consciência do eleitor”, disse. "Nunca vi tanta baixaria"

Ele cita como exemplo mentiras sobre a saúde do doleiro Alberto Youssef publicadas por internautas pró-Aécio. Uma simulação de página do G1, que tem sido compartilhada por eleitores tucanos, afirma que ele foi encontrado morto em hospital de Curitiba e que a informação foi confirmada pela PF e pelo advogado do doleiro. “Este cidadão é cardiopata, sofreu queda de pressão, foi atendido e está em bom estado de saúde, sendo acompanhado por médicos e forças de segurança”, afirmou o ministro.

Questionado sobre o crime da revista Veja que foi condenada pelo TSE a conceder direito de resposta à presidente Dilma Rousseff, candidata à reeleição, mas só o fez parcialmente, disse: “Nenhum crime cometido ficará impune. O crime nunca compensa e não compensará desta vez. O atentado eleitoral cometido pela Veja não atingirá seu objetivo”, concluiu.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.