Brasil

Walter Santos explica ascensão inédita da EAD no Brasil e expõe personagens decisivos no País

09/04/2020


A nova abordagem do Publisher e analista politico e econômico Walter Santos traz dados impressionantes sobre os efeitos do Coronavirus na estrutura da educação brasileira ao assimilar mais e melhor o Ensino à Distância.

O analista aborda com propriedade o processo de ascensão da EAD e identifica personagens do Nordeste a influenciar na estruturação do setor no País.

Coronavirus faz Universidades mudarem conceito sobre EAD, que sai da crise com novo status e importância no País

Os novos fatos produzidos pelos efeitos do Coronavirus provam que entre tantos setores afetados um está o da educação, em especial de terceiro grau obrigado a conviver com novo modelo virtual de produzir conhecimento e atividades acadêmico-administrativas como nunca se viu da forma posta, através da famosa EAD – Educação à Distância.

É inédito como tudo se deu e se consolida no cotidiano da vida acadêmica das Federais, não com o um “bicho papão” ou primo renegado, mas como modelo ou prática atualizada na nova fase das Universidades públicas brasileiras.

Maria Júlia, sábia filósofa do bairro da Torre e Castelo Branco, repetia muito que o hábito faz a boca torta para explicar a máxima milenar segundo a qual a cultura do processo repetitivo por necessidade ou urgência é quem se consolida ao final.

PENSAMENTO MODERNO EM MARCOS FORMIGA E JOAQUIM FALCÃO

Poucos no Nordeste, em particular da Paraíba, sabem que esse segmento da EAD tem as iniciais de crânios nordestinos, a exemplo dos Pensadores Joaquim Falcão (Recife) e Marcos Formiga (São João do Rio do Peixe – PB) na formatação de estratégias nacionais para sentido organizado da Educação à Distância.

Os dois, por exemplo, são responsáveis pela implantação do pioneiro Telecurso na Rede Globo e TV Futura, através da Fundação Roberto Marinho, de onde foram diretores e protagonistas neste processo inovador.

Aliás, Marcos Formiga conduz consigo a condição de personagem muito envolvido na AEAD – entidade nacional com 25 anos e muita respeitabilidade internacional de onde foi diretor e continua com Pensador requisitado no universo do que ele tipifica como Aprendizagem Flexível.

PROFESSOR FREDERIC MICHAEL LITTO

EM 2020, o Brasil comemora 80 anos deste estrangeiro inteiramente brasileirado, atualmente presidindo a AEAD como personagem de forte contribuição dada à formatação do setor no País.

Daqui para frente, além de incentivar novas estratégias certamente que será preciso ajustar a equivalência de influência e poder onde 72% do setor é comandado por poucas universidades para oxigenar o futuro à vista.

Na próxima edição da Revista NORDESTE, o professor Frédéric Litto terá espaço como na mesma dimensão os Pensadores Joaquim Falcão e Marcos Formiga, muito especialmente o segmento da ascendente EAD.

ÚLTIMA

“A luz nasce na escuridão”


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.