Brasil

Advogados de Marcelo Arruda pedem investigação internacional sobre assassinato cometido por terrorista bolsonarista

Os advogados de Marcelo Arruda, petista assassinado no último domingo (10) pelo bolsonarista Jorge José da Rocha Guaranho em Foz do Iguaçu durante sua festa de aniversário de 50 anos, pedem investigação, pedem “apuração profunda acerca das motivações de natureza subjetiva que levaram o assassino a agir de forma brutal”.

 

Em nota, Daniel Godoy Junior e Paulo Henrique Guerra Zuchoski afirmam ser “necessário investigar a influência de terceiros, partícipes ou não, integrantes de grupos organizados ou não, que instigaram o assassino a agir de forma cruel contra Marcelo e as demais pessoas presentes, tendo como mote o ódio político”.

 

E acrescentam: “Na eventual incapacidade de investigação das instituições até então atribuídas por lei para tanto, é possível que seja necessária uma investigação internacional para apurar, até o fim, as responsabilidades de terceiros para com o assassinato e as motivações do assassino”.

Leia abaixo a íntegra do documento:


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp