Nordeste

Após desabamento em Capitólio, Alagoas e Sergipe devem fazer inspeção no Cânion de Xingó

O desabamento do paredão no Lago de Furnas, região do Capitólio em Minas Gerais, no último final de semana, onde 10 pessoas morreram e 27 ficaram feridas, repercutiu em Sergipe, e o governo informou, nesta segunda-feira (10), que vai acionar o governo de Alagoas para que seja realizada, em parceria, uma inspeção no Cânion de Xingó, que fica na divisa entre os dois estados.

O local é um dos dos pontos turísticos mais visitados de Sergipe, recebendo centenas de pessoas diariamente.

 

Segundo o secretário de estado do turismo de Sergipe, Sales Neto, a meta é fazer um estudo preventivo envolvendo os dois governos, órgãos de segurança e universidades.

“É importante ressaltar que as condições do Cânion de Xingó é totalmente diferente das do Capitólio em Minas Gerais. Nós não temos cachoeiras passando por cima do Cânion, não temos correntes de água e os índices de chuva de Sergipe e Alagoas são muito mais baixos do que os de Minas Gerais. Portanto, é uma questão de prevenção”, explicou.

com g1


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp