Brasil

Bolsonaro faz a mais clara ameaça de golpe: “se não tiver voto impresso, não vai ter eleição”

247 – Em live nesta quinta-feira (6), Jair Bolsonaro fez sua mais clara ameaça de golpe ao dizer que não haverá eleição presidencial em 2022 sem o voto impresso. Ele também aproveitou a ocasião para novamente atacar o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que chamou o voto impresso de “caos”.

“Eu acho que ele é o dono do mundo, o Barroso. Só pode ser. O homem da verdade absoluta, não pode ser contestado. Estou preocupado se Jesus Cristo baixar aqui na Terra, ele vai ser ‘boy’ do ministro Barroso”, afirmou o chefe do governo federal na mesma live em que reiterou a possibilidade de “baixar um decreto” para proibir medidas restritivas contra a pandemia.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp