Maranhão

Em reunião, Flávio Dino discute com empresa de logística avanços e investimentos para o MA

O governador Flávio Dino recebeu o grupo de diretores da empresa VLI Transportes, companhia de soluções logísticas que integra ferrovias, terminais e portos, para discutir as perspectivas de crescimento e investimento no setor logístico para o Maranhão.

 

O governador avaliou a importância da parceria pública e privada para o setor logístico industrial do estado. “Reconheço o trabalho e compromisso da VLI Transportes com o crescimento do estado. Esta parceria é fundamental por ser de mão dupla, boa para a VLI e para o Maranhão”.

 

Ernesto Pousada, presidente da VLI, definiu o encontro como produtivo. “A VLI acredita que o Maranhão é uma porta de exportação e importação de produtos onde a logística viabiliza muito a competitividade para o Brasil através do Maranhão. A VLI tem o compromisso de geração de emprego e renda e todo apoio do governo”, disse Ernesto.

 

Para o secretário de Indústria e Comércio, Simplicio Araújo, o Maranhão nunca esteve tão propício para a infraestrutura como agora. “A VLI é uma prova de crescimento do estado no setor de logística e infraestrutura, pois constantemente a empresa apresenta seus projetos e discute conosco perspectivas para o crescimento da logística do Maranhão. A VLI é uma empresa importante que ativa as cadeias produtivas do estado e da região Nordeste. Ela reconhece o trabalho e apoio que o governo dá a esse seguimento”, afirmou o secretário Simplicio.

Ernesto Pousada e Flávio Dino (Foto: Gilson Teixeira)

 

A VLI é uma empresa que oferece soluções logísticas que integram portos, ferrovias e terminais, com capacidade para atender com eficiência a demanda dos principais players que movimentam a economia do país. A companhia opera as ferrovias Norte Sul (FNS) e Centro-Atlântica (FCA), além de terminais integradores, que unem o carregamento e o descarregamento de produtos ao transporte ferroviário, e a operação em terminais portuários situados em eixos estratégicos da costa brasileira, tais como Santos (SP), São Luís (MA), Barra dos Coqueiros (SE), São Gonçalo do Amarante (CE) e Vitória (ES).

 

Com a Ferrovia Norte Sul operando entre Açailândia e Porto Nacional, a VLI impulsiona o crescimento da nova fronteira agrícola brasileira, que abrange os estados do Maranhão, Piauí, Tocantins e Bahia. Dos Terminais Integradores Porto Nacional e Palmeirante, ambos em Tocantins, a VLI carrega os grãos até a capital maranhense, onde opera o Terminal Portuário São Luís com toda a infraestrutura de armazéns e silos para atendimento do setor agrícola.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp