Ceará

Isolamento rígido é adotado no Ceará, e governador aponta gravidade da pandemia; veja

O governador Camilo Santana anunciou que o Comitê que delibera sobre os decretos estaduais no Ceará decidiu por novas medidas ainda mais rigorosas de isolamento social, com a abertura apenas dos serviços essenciais pelas próximas duas semanas na Capital (de 5/3 a 18/3), com todos os detalhes a serem divulgados no Diário Oficial do Estado nesta quinta-feira (4). Ao seu lado estava o prefeito de Fortaleza, José Sarto, e o secretário de Saúde do Estado, Dr. Cabeto.

“Diante da gravidade da pandemia, que chega a um dos momentos mais críticos, precisamos proteger a vida dos cearenses. E por isso anunciamos um novo Decreto de Isolamento Social Rígido em Fortaleza, a partir da próxima sexta-feira, com funcionamento apenas de atividades econômicas consideradas essenciais. O crescimento de casos têm ocorrido numa velocidade muito grande, acima do processo de abertura de novos leitos, tanto da rede pública quanto na rede privada”, explicou o governador, que também indicou que há a recomendação para que os municípios com situação mais grave sigam da mesma forma que a Capital.

Camilo lembrou que com o aumento dos leitos de Covid-19, mesmo já com um total superior ao número do pico da pandemia em 2020, não está sendo suficiente diante da velocidade de propagação do vírus, e da necessidade de internar os casos mais graves aqui no Ceará. “Hoje já batemos o recorde de mortes do novo coronavírus no Brasil (em um único dia). Essa nova variante é mais forte e mais contagiosa, mais agressiva e se propaga mais rapidamente. Estamos diante de um cenário muito preocupante, gravíssimo, mas temos procurado ampliar a rede de assistência médica em todo o Estado, e atualmente nós temos 3.269, entre leitos de enfermaria e UTI, praticamente todos lotados”, alertou.

O Governo do Ceará pretende chegar a um total de 3.674 leitos ainda neste mês de março. Atualmente o Ceará tem 2.326 leitos de enfermaria exclusivamente para Covid, enquanto leitos de UTI adulto totalizam 933, além de 10 exclusivos para uso pediátrico. A meta do Governo do Estado é chegar ao total de 1.074 leitos de UTI, e 2.600 de enfermaria, ambos exclusivos para pacientes com Covid-19.

Confira pronunciamento oficial do governador Camilo Santana sobre o atual momento da pandemia no Ceará, e o novo decreto que estabelece o isolamento social rígido e novas medidas preventivas mais rigorosas na tentativa de reduzir a velocidade de contaminação do coronavírus e suas variantes na Capital, com recomendação de sequência das medidas para os municípios do Interior e Região Metropolitana de Fortaleza com indicadores graves da doença.

 

http://revistanordeste.com.br/isolamento-rigido-e-adotado-no-ceara-e-governador-aponta-gravidade-da-pandemia-veja/


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp