Nordeste

JHC, do PSB, é eleito prefeito de Maceió

JHC, do PSB, foi eleito em 2º turno prefeito de Maceió neste domingo (29). Com 97,46% das urnas apuradas, o deputado federal tinha 216.799 votos, o que corresponde a 58,65% dos votos válidos, contra 152.823 de Alfredo Gaspar de Mendonça (MDB) – 41,35%.

O vice-prefeito eleito é Ronaldo Lessa (MDB), ex-prefeito de Maceió e ex-governador de Alagoas.

João Henrique Holanda Caldas, o JHC, tem 33 anos, é advogado, especialista em direito digital e compliance, mestrando em gestão pública e empreendedor.

Ele foi eleito em 2014 como o deputado federal mais votado de Alagoas. Nas eleições gerais de 2018, foi candidato à reeleição, sendo o deputado federal mais bem votado do Brasil, proporcionalmente. Tem um patrimônio declarado de R$ 1.973.391,98.

No 1º turno, a votação foi apertada. JHC teve apenas 1.181 votos a menos que Gaspar.

Campanha até a eleição
Durante a campanha eleitoral, JHC só ficou à frente do seu adversário nas pesquisas de intenção de voto após o 1º turno. A última pesquisa Ibope o mostrava com 57% dos votos válidos, enquanto Gaspar tinha 43%.

Embora tenha se posicionado a favor das medidas sanitárias para reduzir o risco de contágio pelo novo coronavírus, o candidato promoveu aglomerações durante caminhadas pelos bairros de Maceió. Em diversos momentos foi fotografado e filmado sem máscara de proteção.

Entre os candidatos que disputaram o 1º turno das eleições, nenhum declarou apoio a JHC. Josan Leite (Patriota) apoiou Alfredo Gaspar e todos os outros candidatos declararam que não apoiariam ninguém no 2º turno.

JHC não foi a todas as sabatinas e debates promovidos pela imprensa, muitas vezes alegando conflito de agenda. No último debate na TV antes do 2º turno, realizado pela TV Gazeta de Alagoas, o então candidato compareceu, apresentou propostas, mas também não poupou ataques ao seu adversário.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você