Política

Maia diz que nunca falou sobre abertura de pedido de impeachment

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), negou novamente no final da tarde desta segunda-feira (1°), antes da abertura da sessão de votação para a escolha do novo presidente da Casa, a possibilidade de abrir um pedido de impeachment contra Jair Bolsonaro em seu último dia na função.

“Eu nunca disse que ia dar [abertura a um processo]”, afirmou Maia ao ser questionado por jornalistas.

Ao também ser perguntado se daria o aval ainda para uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar a conduta do governo federal durante a pandemia da Covid-19, ele questionou se há assinaturas suficientes para isso e que não podia fazer nada sem elas.

O pedido em prol da CPI é da oposição, que precisa conseguir o apoio formal de 171 deputados para protocolar o requerimento.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp